• Agência Saber Multimídia

Na lista da Forbes, Senai já consertou 45 respiradores em Goiás

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) está entre os maiores doadores do Brasil no combate ao novo coronavírus. Com participação expressiva do Departamento Regional de Goiás, um dos mais atuantes do País, a instituição aparece em oitavo lugar na lista da revista Forbes das cem maiores empresas que mais contribuíram na pandemia. Essa rede de solidariedade já disponibilizou mais de R$ 5,4 bilhões na luta contra a Covid-19.


Integrante de uma das ações de destaque em nível nacional, o Senai Goiás, em parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG) e Instituto Federal de Goiás (IFG), já entregou recuperados 45 respiradores mecânicos a hospitais da rede estadual e particulares, além de ter desenvolvido um protótipo de ventilador mecânico e de um túnel de desinfecção.

Essenciais no tratamento de pacientes graves da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, os aparelhos consertados reforçam a estrutura do Hospital de Campanha de Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF, do Hospital e Maternidade São Marcos, em Itumbiara, Sul do Estado, que passou a integrar a rede estadual, do Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) e Hospital e Maternidade Senador Canedo.


A instituição da indústria também participa dos esforços contra a pandemia confeccionando

máscaras, aventais e protetores faciais para distribuição a profissionais da rede de saúde da linha de frente de combate à Covid-19. Até o momento, já foram produzidos mais de 60 mil máscaras e aventais. Para o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, essas e outras iniciativas reforçam o compromisso do Senai em promover ações para salvar vidas e ajudar na retoma da segura das atividades industriais. “O Senai demonstra sua capacidade não só de fazer a melhor formação profissional,

mas também de socorrer o País em momentos de gravidade como o que estamos passando

com a pandemia”, disse.


O top dez da Forbes

1o- Itaú Unibanco: R$ 1 bilhão

2o- Vale: R$ 500 milhões

3o- JBS: R$ 400 milhões

4o- Ambev: R$ 110 milhões

5o- Rede D’Or: R$ 110 milhões

6o- Bradesco: R$ 99 milhões

7o- Caoa Chery: R$ 74 milhões

8o- Senai: R$ 63 milhões

9o- Nestlé: R$ 55 milhões

10o - BRF: R$ 50 milhões

CENTRAL DE

ATENDIMENTOS

Goiânia
4002 6213
Demais Localidades
0800 642 1313

© FIEG 2020 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS | CRIADO POR AGÊNCIA SABER MULTIMÍDIA

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube